GUJ Discussões   :   últimos tópicos   |   categorias   |   GUJ Respostas

Futuro do Java


#21

Nunca usei o grailsl, fiz uns testes com o Ruby, não é ruim, mas tive problemas com o Ajax. Fiz um software completo há alguns anos atrás com o PHP, sem nenhum framework, achei muito trabalhoso, mas você não fica engessado. vou pesquisar o grails.


#22

É em groovy, roda na JVM e você pode usar todas as bibliotecas do java nele.


#23

A revista Java Magazine publicava um monte de matérias que me ajudavam a me manter atualizado, agora não vendem mais. Tinha muita matéria sobre grrovy,scala, rails, java, etc. Agora há muitas opções e não sei qual escolher. Se soubesse como depurar o Django como no Java, ficaria com o Django.


#24

Mas nessa quantidade você está misturando o que na verdade são duas aplicações, front-end e outra back-end. Desktop na maioria dos casos desenvolvem no modelo cliente-servidor, se conectando direto com o banco de dados.

Em relação a EJB, Hibernate, JSF, JMS e servidor de aplicação como Glassfish, são recursos opcionais para aplicações via HTTP, embora muitos usem por decisão pessoal, muitas vezes não são necessários. Mas concordo que o mercado Java é uma zona, adoram salada de frameworks e sopa de letrinhas.


#25

Pois é, são duas frentes diferentes, back-end e front-end, mas para quem trabalha sozinho, tem de dominar tudo isso e não é fácil, ainda esqueci o Java Mail.


#26

Sozinho é impossível, exceto se for algo pequeno.


#27

Eles podem disponibilizar a opção, mas não significa que existe demanda, até porque ninguém em suas plenas faculdades mentais usaria uma aplicação como Corel Draw dentro de um browser. :wink:


#28

Fujo a alguns anos da stack completa de JEE, digo EJB, JSF e principalmente servidor de aplicacao. Participei de vários projetos gigantes rodando apenas no Tomcat, vários microservicos, vááários.
O SpringBoot ta sendo uma opção boa pra construir uma app REST rapidamente. Da uma olhada nele, caso for seguir na parte web.


#29

@igor_ks, creio que a utilização da stack completa do JEE só se justifique em cenários muito específicos e, com certeza, ainda se deve considerar o uso de Spring ou de soluções alternativas.
Aqui em Curitiba, ao menos nas 10 empresas onde trabalhei, seja como funcionário efetivo, seja como terceiro, sempre foi muito comum o uso de application servers para qualquer coisa: do IBM Websphere (gigantesco) ao Oracle Weblogic.
Tive experiências com SOA, rodando sobre o Oracle Service Bus (o famosos OSB), mesmo utilizado de forma incorreta (a ideia do SOA é integração e não havia integração), tudo o que não era sistema em C ou PHP, deveria rodar no weblogic.
Boa parte disso é culpa do contrato com uma terceirizada que presta suporte e soluções Oracle para middlewares e servidores...
Então, nunca tive muita opção... Salvo poucos projetos com Spring.