GUJ Discussões   :   últimos tópicos   |   categorias   |   GUJ Respostas

[Pesquisa] Conhecimento mais genérico e com a maior chance de ingresso no mercado em inicio de carreira?

gerais
Tags: #<Tag:0x00007fbf1c9b0630>

#1

Estou colaborando na pesquisa de um professor amigo meu para montarem a ementa de um curso.

O que ele quer saber é, com a experiencia de mercado de desenvolvimento, o que considerariam o conhecimento mais genérico para que um aluno saísse mais preparado e com a maior chance de ingresso no mercado em inicio de carreira.

Gostaria que, se pudessem responder levando em consideração o local onde residem, e o mercado regional além do mercado remoto.

A minha resposta, por exemplo, foi JavaScript, com foco em pelo menos um framework JS (sugeri Angular e Ionic) e uma linguagem de back-end, eu sugeri PHP pois tem um grande mercado regional e uma curva de aprendizado baixa, porém com o estudo de pelo menos um Framework (sugeri Laravel).

Claro isso tudo além de itens basicamente essenciais, como SQL, HTML, CSS.


#2

De genérico seria os fundamentos. A lista vai ser infinita se for por esse caminho de tecnologias específicas. Mas se for esse caminho mesmo, pode se basear direto nas vagas de emprego da região.


#3

Acredito que da pra levantar um modelo genérico sim, pois não estou dizendo que este seria o único caminho, mas sim que perante o mercado atual seria o perfil com um maior número de possibilidades.

Por exemplo, os resultados obtidos até agora com pesquisa de profissionais espalhados por todo o país demonstram uma visão geral de que o maior número de possibilidades estão no desenvolvimento web, e 9 em 10 apontaram o JavaScript como principal aprendizado og.


#4

Uma maioria esmagadora concorda com a necessidade de conhecimento de, ao menos um framework, bem dividido entre Angular, Vue, Node e React.


#5

isso para o caso do front-end …


#6

No meu trabalho por exemplo não usamos nada disso.

Back-end: C#/.NET, ASP.NET MVC/Web.Api, PL/SQL
Front-end: HTML/CSS, JavaScript e JQuery

Sem contar outras equipes, de Java por exemplo, onde cada tribo usa n frameworks diferentes.


#7

Mas é exatamente isso que estamos tentando filtrar, onde estão o maior número de oportunidades.

Pelo que foi levantado ate agora, por exemplo, pra cada vaga de C# tem 3 de PHP

Entenda que é uma pesquisa, não estamos dizendo que esse ou aquele são melhores pra começar ou vice-versa, e sim tentando quantificar o mercado


#8

Há um bom número que acreditam no node como o futuro do back-end

Ou ao menos que o aprendizado conjunto de um framework front com o node daria a habilidade de construir uma aplicação completa sem a necessidade do aprendizado de uma outra linguagem do zero e sim só as particularidades do node


#9

Estamos apenas recolhendo dados para então aplicar realizar uma análise destes


#10

Preparar o cara em PHP pra ganhar mal, mas nao deixa de ser uma opcao.

Esse futuro é incerto, assim como Go pode ser “o futuro”. Tem que olhar o que está no horizonte atual, está cada vez mais diversificado e nao uma coisa ou outra. Nem precisa de pesquisa, só olhar as vagas.


#11

Particularmente eu não acredito nessa linha … linguagens e ferramentas podem virar hype ou serem abandonadas do dia para a noite. O Javascript mesmo é um caso … a linguagem é tão antiga quanto Java praticamente e sempre foi considerada um patinho feio das linguagens de programação … de uns 4 anos para cá virou hype. Acho que as únicas coisas que não mudam muito são os conceitos propriamente ditos: lógica, estruturas de dados, orientação a objetos, programação funcional, etc.


#12

Entendo que elencar algumas tecnologias, ok! Porém vejo que falta desenvolver nos alunos a capacidade resolver problemas.

Uma vivencia que traga pra faculdade problemas reais que ao final do semestre sejam desenvolvidos soluções.

Vi muitos colegas de faculdade não conseguir se firmar no mercado ao termino do curso ficaram na teoria e queriam que o mercado abrisse as portas, porém nunca fizeram nada de pratico.

Desenvolver capacidade de resolvedores de problemas.


#13

Exatamente, em se tratando de conhecimento genérico, o importante sao os fundamentos. Tecnologias vem e vão a todo momento. Em PHP perdi as contas de quantas modas de frameworks já passaram. Em JavaScript sempre aquela piada de um novo framework a cada dia. E nessa brincadeira toda dos entusiastas ficam legados para manter em diversas tecnologias. Sobre futuro, Ruby era “futuro” assim como dizem que Node será o “futuro”.

Enfim, são diversas oportunidades, cada individuo faz sua própria escolha, tendo os fundamentos olha as oportunidades do mercado e se prepara para algo, por isso existem n cursos específicos, não vai ter um “curso genérico para maior chance”.

E acima de tudo o que o colega @andrebmarinho falou “Desenvolver capacidade de resolvedores de problemas.”, isso é mais importante do que saber fazer CRUD em qualquer tecnologia.


#14

e aí a gente cai naquela discussão do cara que queria “uma garantia de uma graduação não paga mal” ou do assembly (esse cara ficou 2 anos na Internet perguntando em fóruns se valia a pena aprender assembly …) , nesse caso não tem outra alternativa a não ser escolher uma stack e ficar bom nela, se ela ficar obsoleta … paciência, parte para o concorrente … e assim caminha a humanidade …


#15

Cara vcs fazem muita tempestade em copo d’água

Não tem discussão pois não estou pedindo a melhor carreira, o melhor salário, o futuro da programação, e sim no contexto do seu mercado de trabalho de vcs qual tem mais OPORTUNIDADES, uma questão simples, aqui na região de cada 5 vagas 3 envolvem PHP, então o maior número de oportunidades está em PHP, 9 em 10 empresas de desenvolvimento trabalham og voltadas pra web, e estas estão valorizando muito profissionais com um sólido conhecimento de JS, então sim JS traz um grande número de oportunidades.

Não há discussão, não é opinião, são números.

A questão de fundamentos é lógico que terá no curso, achei que nem era necessário citar né?

Mas boa parte tem que ser ensinado através de programação, e é esse o estudo, sobre qual a melhor linguagem e tecnologias a serem aplicadas para tentar maximizar as oportunidades logo após a formação

E é um estudo, pesquisa acadêmica.


#16

Por ter colocado como conhecimento genérico gerou essa discussão, pois o que citou não é genérico, são conhecimentos específicos, independente de no momento ter mais vagas na sua regiao.

Os números já estão nas vagas, isso já vai servir como base real pra decidirem a ementa de um curso voltado pra stack mais solicitada na regiao.