GUJ Discussões   :   últimos tópicos   |   categorias   |   GUJ Respostas

Assistente de gerente de Projetos


#1

Pessoal, uma dúvida.

O que realmente faz um assistente de gerente de projetos em uma empresa de TI?

Assistente de gerente de projetos é um passo para se tornar um GP?

Abraços !


#2

Assistente de GP..humm.nunca vi esse cargo nas empresas..rs..mas provavelmente deve ser um Analista Senior a um passo de se tornar um GP, seria isso ?


#3

Controla horas, tarefas e atividades de acordo com os seus prazos.
Sim é um passo para se tornar GP.
O gerente de projeto fica mais como gerenciador de um portifólio e o assistente com o projeto que mais necessita de acompanhamento.

Muito usado com PMI :wink:


#4

Tambem conhecido como secretaria.


#5

Hum... muito construtivo seu comentario !


#6

Olá

O que é um prazo de projeto?

Por favor satisfaça minha curiosidade.

Desenvolvo sistemas desde 1968/1969, já tive oportunidade de fazer estimativas de projetos muitas vezes pois já vendi projetos com escopo fechado.

Mas nunca consegui saber o que vem a ser o tal prazo de projeto. Para mim sempre foi um chute sem noção que dava para me defender e quando o cliente achava muito também sem nenhuma noção, eu chutava um pouco menos até pegar o projeto e depois me ferrar muito para atrasar só uns 50% para ficar dentro do coeficiente de cagaço que eu aumentava no preço para compensar eventuais riscos.

Alguém aqui já testemunhou algum caso remoto de algum projeto de TI feito dentro do prazo? Dizem que no norte do Afeganistão aconteceu um caso lá pelos idos de 1968 mas não sei dos detalhes.

[]s
Luca


#7

Afeganistão hein, lá deve ser o paraíso...


#8

Eu vi acontecer uma vez, mas era um projeto pequeno, estimado em 30 dias, e entregue em 25 dias :smiley:


#9

tbm conhecido como aspone
http://www.dicionarioinformal.com.br/buscar.php?palavra=aspone


#10

É um estagiário que é obrigado usar terno, fica preenchendo planilhas e docs porque o GP ta tomando café na cozinha.

Nas empresas de 3 letrinhas sim, nas descentes não.

[]s


#11

Que maldade, não agrega mais nada? O apreendizado não vale apena? Se for uma empresa de grande porte e for para auxiliar um GP que trabalha com diversos projetos?

Eu já li várias vezes aqui no fórum essa expressão "empresa de 3 letrinhas" não consegui entender, é para não referencia alguma empresa em si ou genaralizando um perfil de empresa,teria como explicar essa expressão?

@OnTopic: Compensa largar um provavel estágio em desenvolvimento para um estágio como assistente de gerente de projeto? Qual o aprendizado seria maior?


#12

Normalmente é um estagiário que não sabe programar.


#13

Olá

Ao contrário, geralmente sabem programar e muitos trabalham como programadores full time. Já conheci alguns bem feras. E já trabalhei com estagiário super competente em administração de rede. O cara simplesmente dava conta de coisas que alguns com 5 anos de formado não conseguiriam.

[]s
Luca


#14

Luca, eu acho que ele falou sobre o assistente de GP e não dos estagiários de maneira geral. De qualquer maneira, pra reforçar o que o pessoal falou, eu já estou mais do que convencido de que cargos do tipo: gerente de projeto, analista de ( sistema | requisitos | processos ) e coisa e tal são ocupados por diplomados que não sabem programar. Tem um vídeo no youtube de um cara que presta consultoria para empresas e é impressionante como o discurso dele se encaixa nesse perfil.


#15

http://blog.fragmental.com.br/2007/06/07/3-letrinhas/

Minha opinião? Não compensa.


#16

Luca, acho que você está confundindo 'prazo' com 'prazo fixo'. Todo projeto demanda um tempo pra ser feito e um dia vai ser entregue alguma coisa, toda tarefa demora um certo prazo pra ser feita. O fato de ser mensurável com exatidão ou não é outra história.


#17

Estou terminando um projeto agora para um grande Banco e sim...ele vai ser entregue dentro do prazo. Um dica: Utilizamos metodologia Scrum. :wink:


#18

Olá

Na verdade quiz fazer uma provocação. Falei de prazo de projetos completos. Aquele que alguém aponta o dedo para o vento e diz enfaticamente ao cliente: isto pode ser feito em 7 meses como se fosse uma obra por empreitada. Se nem obras conseguem terminar dentro do prazo, como projetos de software terminariam?

Na prática software termina porque alguém dá um basta. Vamos fazer só isto e pronto. E obras de engenharia muitas vezes ainda são piores, deixam um monte de rabixos, principalmente se forem obras públicas (ou o prédio que você comprou apartamento na planta ou a reforma da sua casa).

Uma das grandes vantagens das tecnologias ágeis é justamente ter consciência da dificuldade de prever o futuro e evitar a venda de falsas expectativas. Ao exigir a participação do cliente durante o projeto ao invés de só na fase de análise de requisitos, se cria a cumplicidade que permite que sejam feitas pelo menos as coisas essenciais e se dê mais chances ao projeto de ser considerado entregue tanto pelo fornecedor como pelo cliente.

[]s
Luca (que já participou de projetos entregues dentro do prazo mas sabendo que o entregado, não foi aquilo projetado no dia em que o diretor comercial apontou o dedo para o vento...)


#19

Isso depende muito de empresa para empresa, vc tem que ter uma noção geral de varias empresas para ter uma boa opinião do q é um GP, ontem mesmo um aluno de minha materia estava discutindo comigo sobre o papel do analista, pois na empresa que ele estagia, o analista so cria a descrição do que é para ser feito no word mesmo, e o GP que cria a UML, os artefatos e afins isso dava a visão para ele que o GP fazia isso, então ele estava discutindo que é o GP que faz a UML uhauhuau. Quase Chorei


#20

seu comentário vale o salário do mês!
vou até guardar isso... resumiu tudo!