Alguem aprendeu ingles de forma autodidata?

to querendo comprar um livro… so que esta em ingles… meu ingles é aquele tecnico… mas pra um livro de 800pg e complicado rs

no que voce for lendo e traduzindo com um dicionário do lado voce vai pegando o jeito… é como estudar Java… voce consulta a API, mesmo sem saber aquela função ou alguma coisa que voce precisa desenvolver… voce le aquilo e entende. Da proxima vez que for fazer a mesma coisa, voce nao precisa do “tradutor” ou no caso da API, voce ja vai saber.

Eu nunca fiz inglês e, o livro da Kathy Sierra, para a (antiga) certificação SCJP 5, li todo em inglês.
A primeira vista é um desafio, muitas coisas passam sem que entendamos.
Depois da segunda, fica mais tranquilo.

Eu aprendí de forma semi-autodidata. Estudei um tempo por conta, fui pra uma escola, fiz um módulo intermediário, parei um tempo, depois fiz mais um módulo avançado. Hoje, eu tenho uma boa fluência (apesar de estar um pouco enferrujado na conversação, sempre que preciso, o inglês não me abandona).

As dicas que te dou é sempre prestar atenção no inglês, constantemente. Assista um filme legendado e tente não só ler as falas, mas ouvir a pronúncia. Quando tiver assistido uma vez, assista o mesmo filme de novo (pra fixar as palavras aprendidas). Ou tente assistir com as legendas em inglês, mesmo.

Além disso, é interessante ouvir muita música em inglês mesmo. Pegue as músicas que você mais gosta, traduza as letras e depois acompanhe a música com a tradução em mãos. Aí, você vai pegando o jeito das palavras, e vai fixando o que significa cada uma delas.

Ler com um dicionário ao lado também é uma boa. Recentemente, eu comprei um Kindle e comecei a ler Pride and Prejudice nele. Acontece que o inglês praticado neste livro é um tanto arcaico, da Inglaterra do final do século 19, e em alguns momentos eu não sei o significado de uma palavra. O Kindle ajuda bastante com isso porque ele já possui embutido um dicionário (inglês-inglês). Ou seja, para conseguir interpretar uma palavra, você tem que saber o significado das outras.

Bom, essas são as dicas. Hoje, eu estou estudando francês e percebo o tamanho da dificuldade que outras pessoas provavelmente têm para aprender o inglês, e uma coisa eu te digo: não se aprende (pelo menos, não de forma auto-didata) sem uma boa dose de persistência; é preciso praticar muito até conseguir chegar num nível razoável.

Eu estou estudando pelo livemocha.com. O método de ensino parece excelente, com exercícios escritos, de associação, falados e ouvidos.

[]'s

existe várias maneiras de se aprender outras línguas…

Uma delas é pegando livros e estudando, outras é partipando de comunidades (nao necessáriamente e exclusivamente fóruns), mas tem que ver que cada forma no qual você vai seguir as suas habilidades irão ser diferentes.

Geralmente quando se traduz livros ou começa a ler eles, aprende muito mais um idioma de conhecimento especifico, do que generalista, mas quando vc participa de outras comunidades, suas habilidades já se alteram pra um conhecimento mais generalista, já que não é apenas texto, mas sim tratamento com pessoas.

Outra coisa é que se dedicar exclusivamente em textos, irá dificultar a sua habilidade na comuninação verbal (onde no qual eu sofro muito disso :D), é por isso que eu ainda acho que as escolinhas de inglês são uma boa, pois tentam integrar ambos os problemas: (generalista / um pouco do especifico / verbal)

bem, esse é um dos meus ponto de vista ^^

Comecei aprendendo ingês de forma autodidata desde quando era pequeno, mas depois fiz uma escola de inglês por uns 2 anos e foi muito bom para melhorar. Depois fui para os EUA e pude aperfeiçoar bastante e hoje em dia estou fluente.

Apenas duas coisas:

  • Dê preferência a uma escola que ensine bastante conversação. O maior problema dessas escolas de idiomas (todas elas), é que dão uma ênfase muito grande à gramática. O resultado é que fulano fica em um curso a vida inteira e sai de lá sem conseguir entender nada.

  • Se possível viaje para o exterior, ou pelo menos se envolva em comunidades online onde haja estrangeiros, para que possa aperfeiçoar o seu domínio da língua.

Acho um absurdo essa gente que fica 10, 15 anos fazendo inglês. Ou são burros ou a escola é uma porcaria.

É perfeitamente possível ficar bom em uns 2 anos ou menos e talvez levar mais uns 2 anos para ficar fluente.

[quote=Longino]

  • Dê preferência a uma escola que ensine bastante conversação. O maior problema dessas escolas de idiomas (todas elas), é que dão uma ênfase muito grande à gramática. O resultado é que fulano fica em um curso a vida inteira e sai de lá sem conseguir entender nada.

  • Se possível viaje para o exterior, ou pelo menos se envolva em comunidades online onde haja estrangeiros, para que possa aperfeiçoar o seu domínio da língua.[/quote]
    Excelentes conselhos. As aulas de gramática num curso de línguas servem apenas como base, a única forma de aprender de verdade é manter contato constante com o idioma.

[quote=Longino]
Acho um absurdo essa gente que fica 10, 15 anos fazendo inglês. Ou são burros ou a escola é uma porcaria.[/quote]
Aqui devo discordar de você, Longino. Na minha opinião, quem está tentando aprender uma língua há muito tempo com resultados insuficientes simplesmente não está conseguindo mergulhar o suficiente no outro idioma, não considero que sejam burros. Quem está nessa situação precisa entender que a escola é apenas um apoio, e que o verdadeiro aprendizado vem de fazer do idioma parte do seu dia-a-dia.

Ainda acredito na máxima: A necessidade é a mãe de todas as virtudes.
Se você tivesse que ir, hoje, para os EUA, senão você e toda tua família seriam dizimados, em quanto tempo aprenderia o idioma saxão?
Exageros a parte, só com a necessidade e a vontade que você irá aprender, seja na escola, na net ou em livros.

Morei nos EUA um tempo e casei com uma americana , aprendi sozinho com as circunstancias.

existem varias questões sobre ingles, entre a mais complexa seria a escrita de uma dissertação (essay). Uso de phrasal-verbs no contexto correto e na linguagem correta (formal e informal).

Falar ingles é “fácil”, agora falar no contexto correto que começa a ficar dificil e utilizar a gramatica de forma correta sem esbarrar na brasileira é o diferencial

é… quando voce começa a estudar ingles voce mesmo ja começa a achar estranho algumas frases que voce faz. Voce tem que entender oque eles querem dizer com aquilo e não ao pé da letra.

me cadastrei no livemocha… to terminando a primeira parte ja… bem facil mesmo!
e pq o meu nivel nao é tao baixo tbm… consigo entender o que um texto diz so nao consigo traduzir tudo

Eu aprendi de forma autodidata. O que usei muito foi música. Pegava músicas de Jethro Tull, Pink Floyd, Supertramp, etc, e ficava traduzindo e cantando. A parte do inglês deu certo, agora cantar, não é pra mim mesmo. rs. :P. O que me consolidou mto também foi ter viajado pra fora um tempo. Ao invés de pagar cursinho, vá viajar pra fora, isso vai te ajudar muito. Faça isso quando tiver básico/intermediário.

[]'s!

Eu que era fanático por RPGs de console, aprendi jogando videogames, e a escolinha complementava ^^