GUJ Discussões   :   últimos tópicos   |   categorias   |   GUJ Respostas

Pós em engenharia de software para um engenheiro eletrecista que só conhece conceitos básicos de programação e experiência em testes mobile, compensa?

Tags: #<Tag:0x00007fd9f80fc1f0>

Olá!

Me chamo Ailton e possuo experiência nas áreas de engenharia de processo e manufatura em industrias, porém passei 6 meses como estagiário de testes mobile em um instituto de tecnologia. Atualmente trabalho como analista de engenharia de manufatura, mas quero seguir carreira na área de testes software ou teste de apps mobile. Gostaria de saber a opinião de vocês com relação as dificuldades que posso encontrar no caminho devido eu não ser um desenvolvedor e está querendo seguir carreira em uma área que foge um pouco da minha rotina de industriário.
Compensa fazer uma pós em engenharia de software e tentar seguir a área de testes e qualidade mesmo não tem experiência em programação ?

Desde já agradeço a ajuda.

Claro que sim! A PÓS de engenharia de software vai focar muito mais em processos de qualidade e metodologias do que programação. E pela sua formação natural de engenheiro esta bem habituados a processos, metodologia e qualidade.

Por outro lado no quesito ser um programador você vai precisar realmente fazer um esforço em cursos para atingir uma boa capacitação. Alias pratica! Sobre a pratica nenhuma faculdade vai lhe capacitar, a não ser você mesmo correndo atras e praticando.

Obrigado Andre.
Não pretendo seguir a área de desenvolvimento, gostaria de trabalhar na qualidade, processo ou teste. Mas para isso devo conhecer também de linguagem de programação, estou certo ?

Na verdade você que ser Analista. Definição: O analista de sistemas é um profissional da área de Tecnologia da Informação (TI) que analisa e desenvolve sistemas , mapeia processos, faz a modelagem de dados e levanta os requisitos para implementar esses programas de acordo com os objetivos e as regras de negócio da empresa contratante. Logo, realmente não necessariamente tem que programar.

Engenharia de software é mais um planejamento de software, na qual se trabalha
o esquema de construção dos detalhes de requisitos que um software deve ter.
logo precisara conhecer minimamente como programar, porque não apenas uma simples engenharia de produção,mas se precisa conhecer seu produto - o Software - e todo seu processo de modelagem, logo é cobrado conteúdos mais abrangentes em analise de sistemas.
Você provavelmente deve ter um trabalho ligado á programação de máquinas, a qual pode ser análogo á programação e em computação, só que em máquinas ela é restrita aos processos de máquinas, e - até onde eu saiba - não entra o digital, o binário, e conceitos mais abrangentes de computação.
Se você quiser seguir na área de analise ou programação, sugiro que faça um curso da área, como um tecnólogo em A.D.S, no mínimo, pois Eng. de software você precisa conhecer Analise de Sistemas, o que é um banco de dados, padrões de projetos, etc, enfim, competências ligadas á área.

O colega que fez a pergunta não detalhou como são os equipamentos que ele lida no dia a dia, porém a industria 4.0 de hoje em dia é praticamente um computador em pleno funcionamento.

Eu já fiz ADS, mas só aprendi a programar quando fui pra o mercado colocar a mão na massa de verdade. O curso de ADS (a não ser pelo certificado de curso superior) é totalmente substituível por cursos de qualidade feito através da internet por exemplo.

não, cursos pela internet só são viáveis se a pessoa já tem algum conhecimento prévio na área. Praticamente todos os que vejo focam meramente na ferramenta, não no quesito conteúdo necessário para se ter a competência necessária para lidar com o trabalho.

Respeito sua opinião, mas não concordo. Existem conteúdos muitos mais avançados na web do que os tratados em sala de aula que muitas vezes ficam na superficialidade.

Porém, realmente pra quem esta começando e não sabe por onde, a faculdade pode sim ajudar a dar um passo a passo, mas faculdade deixou a muito tempo de ser o único caminho.

Uma reflexão: Se nos últimos anos pudemos observar uma verdadeira multiplicação das faculdades e cursos ADS, por que o mercado não conseguiu preencher as vagas na mesma velocidade?

Entendo a opinião de ambos. Mas eu tive uma breve experiência em testes mobile e não envolvia análise de algoritmo. Gostaria de saber se para teste de software existe a necessidade de conhecer sobre o código, ou o teste é apenas do software ou app desenvolvido. testes de usabilidade.

Depende, existe varias abordagens para teste de software. Por exemplo TDD é o desenvolvimento do software baseado em testes, imagine um cenário que mesmo antes de desenvolver a funcionalidade temos que desenvolver o teste. Nesse caso sim, há necessidade de entender de programação.

Porém a discussão aqui é se vale a pena ou não fazer engenharia e software sem ser programador. Vai depender muito do seu objetivo, digamos que o engenheiro eletrico quer fazer engenharia de software para: Apontar melhorias dentro do processo da fabrica. Indicar SOftware ou modelar um sistema pra corrigir um problema, utilizando os conhecimentos de: gestão de projetos, analise de requisitos, prototipagem etc… SIM! é muito valido. Mesmo sem entender programação é possível fazer isso! E o que for faltando em termos de conhecimento é bem mais rápido e produtivo comprar um livro ou adquirir um curso para suprir uma falta pontual.

Faculdade vai tomar muito tempo e a depender do caso pode atrapalhar mais do que ajudar.

Eu cheguei a cursar SI parei no 4º semestre, tinha umas Dps… ai desencanei, voltei e entrei no curso de ADS e me formei… tipo esse curso é focado mais em programação e análise… pretendo fazer uma pós em Gestão em TI… achei o conteúdo da Universidade Cruzeiro do Sul… EAD mais em conta e pelo $$$$…
Pós é bom fazer… uma especialização ajuda muito e tem muito a ajudar no CV.

//