GUJ Discussões   :   últimos tópicos   |   categorias   |   GUJ Respostas

Qual linguagem de programação aprender? Python, PHP, JavaScript...?

Tags: #<Tag:0x00007f0a8d629438> #<Tag:0x00007f0a8d6292f8> #<Tag:0x00007f0a8d6291b8> #<Tag:0x00007f0a8d629078> #<Tag:0x00007f0a8d628ec0>

Desde que ganhei meu primeiro computador com 10 anos (bem fraquin mas serviu, com 1gb de ram e um HD de 50gb, além dos outros componetes) eu comecei a gostar de informática (Mesmo sem internet e só aprendendo a digitar dentro do word e “futucando” o excel) e com o tempo decidi que trabalharia com aquilo, mas nunca soube bem em que área eu gostaria de seguir, depois de um tempo entrei para o EM (Ensino Médio) e agora estou fazendo curso técnico em informatica integrado ao EM pelo ensino público. Com isso fui pegando o gosto e sabendo um pouco do que eu gostava, até que eu aprendi logica de programação. Mas antes mesmo de entrar para o EM, eu aprendi o básico do básico de Python em vídeos e e-books na internet (pelo menos a escrever na tela, pedir ao usuário pra inserir dados, fazer cálculos e usar variáveis) mas não procurei me aprofundar. Agora quero mas to com dúvidas.

Quais dicas vocês dão pra quem está iniciando?
Qual linguagem de programação seguir (Qual está sendo mais utilizada ultimamente ou tende a crescer futuramente…)?
Quais cursos pela internet vocês recomendam?
Faz alguma diferença ter ou não um certificado?

Atualmente eu tava procurando cursos e observei alguns, como os cursos do alura.com.br, treinaweb.com.br, softblue.com.br e schoolofnet, também os cursos do b7web.com.br e dankicode.com que são mais focados em PHP e Front-end. Recomendam algum?

Penso em entrar numa faculdade para cursar Analise e Desenvolvimento de Sistemas ou Ciência da Computação no futuro. (Pensando muito longe…)

:thinking:

Cara sou programador Java, atualmente estou aprendendo Python Usando Django é muito produtivo olha aí a documentação 2.0 o ideal é começar com python 3 e django acima do 2.0

2 Curtidas

Javascript e seus vários frameworks, desde node até vue e react

3 Curtidas

Acessar todo dia o GUJ para aprender um pouco.

Eu concordo com o @darlan_machado, na minha opinião o JavaScript é superior a qualquer linguagem, pois veja bem:

Em quaisquer sistema web, você terá o front-end e o back-end.
O back-end pode ser: Java, Python, PHP, JavaScript(Node), C#, etc.
O front-end ou será JS ou será um Framework Component Based de uma linguagem Back-end, que no fim converterá o código para HTML, CSS e JS (Vide JSF). Hoje em dia normalmente é mais JS mesmo.

Você consegue perceber que, de 100 sistemas web, os 100 vão ter JavaScript?

Quando você entra no mundo do JS, você se depara com alguns dos diversos frameworks, ai cabe a você escolher um.

Os 3 frameworks da moda e os mais usados respectivamente são: Angular, React.js e Vue.js

Da uma olhada nos mais bem avaliados da uDemy.

O certificado em si não é importante, o importante é o conhecimento que você adquiriu indo buscar o certificado.

1 Curtida

Estude lógica. É a ferramenta básica de trabalho de qualquer desenvolvedor.

Depende. Assunto polêmico e bem recorrente aqui no GUJ. Vamos lá.

Você tem que entender que linguagens de programação são ferramentas. Você usaria um martelo para parafusar algo? Até poderia, mas teria um trampo BEEEM maior do que usar uma chave. Você pode usar uma chave de fenda para parafusar um parafuso philips? Até pode, com relativa dificuldade. Então não se apegue a linguagem: Se apegue a funcionalidade.

Isso parece complicado, né? Bem, de antemão eu te indicaria começar estudando o básico que todo programador deveria saber: HTML, CSS e JavaScript. Por que JavaScript? Porque JavaScript é o canivete suíço das linguagens. Pode fazer Front (com Angular, por exemplo), Back (Node.JS), Mobile (Ionic). Enfim, até você decidir no que quer realmente focar, é melhor ter esse conhecimento.

Isso depende muito do seu estilo de aprendizado. Pessoalmente, eu gosto muito da Alura.

Faz e ao mesmo tampo não faz. O que vale é o conhecimento.

3 Curtidas

Valeu mesmo pra quem (@jallisson_jallis, @Mike, @darlan_machado, @FearX) respondeu as minhas dúvidas. :grin:
Em relação ao JavaScript que muitos recomendaram, eu estou fazendo um curso de HTML5 no Curso Em Vídeo e tô de olho nos cursos do Bonieky Lacerda (B7Web) que tem acesso vitalício e é bem completo, Como o curso de PHP que aborda o uso do HTML5 + CSS3 + JavaScript, PHP, NodeJS, AngularJS, como usar o Git, Banco de Dados, entre outros assuntos. Existe outros cursos como o de Front-end e de React Native também.
Já Python eu encontrei esse curso na Udemy.

Cuidado com esse AngularJS ai

Existem 2 tipos de Angulars: Angular.JS e Angular

O Angular.JS foi o primeiro Angular (versão 1) e o Angular é o framework mais atual

Quando você ve por ai, escrito apenas Angular, é pq se referem a versão 2+ (hoje esta na 7)

Apesar de terem o mesmo nome: Angular.JS e Angular, eles são bem diferentes.

Então se você for comprar um curso que aborde Angular, verifique se não é o Angular.JS

O Angular.JS ta c caindo em desuso e não tem pq ser estudado hoje em dia pra quem ta começando, então muito cuidado.

3 Curtidas

Obrigado pela informação, pesquisei sobre e o que encontrei foi que no curso “PHP do Zero Ao Profissional” o professor aborda na verdade o AngularJS mas não de forma aprofundada, e no curso “FrontEnd do Zero Ao Profissional” ele aborda o Angular (e vai atualizar as aulas quando uma nova versão surgir) além de outras tecnologias…

“HTML5, Javascript OO, CSS3, Npm, Sass, Bootstrap, Gulp, WebPack, Vue.js, React.js, Angular, Redux, ES6+, Typescript, SVG e muito mais.”

Pra quem está iniciando em aplicações web recomendo iniciar com PHP e SQL. O resto vai vir naturalmente.

1 Curtida

Meh… todo programador Web deve saber.

Python é muito mais util, versátil e bem estabelecido fora da parte web se você vai pelo lado canivete suíço no quesito software de sistema.

Como o colega acima que citei bem colocou, linguagens e bibliotecas são só ferramentas.

Use as ferramentas que mais se adaptam ao problema. Aprender a fazer isso é, na minha opinião, a meta ao longo da carreira de um desenvolvedor. Se usar Excel resolve, beleza, se precisa usar Erlang devido ao jeito como lida com sinais e tal, use Erlang, quer fazer um compilador TDRD rapidão usa SML ou até F#, etc etc.

O que importa e vende é solucionar problemas. Seja solucionador de problemas.

O corolário disso é: não seja “mágico de um truque só”, seja desenvolvedor, não “desenvolvedor Java / ECMAScript / C++ / Python”. Isso só serve pro povo que quer dar uma de programador por 3 anos, e quando mudar de tecnologia ir pra area administrativa, e continuar sem entender direito da área técnica.

Outra é que o mundo não é só web. Web é muito difundido, mas as coisas estão mudando-se contra JavaScript no futuro proximo agora com o surgimento de WebAssembly. Além disso desenvolvimento web paga pouquissimo comparado com outros nichos, principalmente porque a maioria do software web são CRUDs. Só pra ter uma perspectiva, por exemplo, existe muito mais software embarcado rodando por ai do que sistemas web, e até onde sei rende bem mais grana.

A curto prazo, vá nas modas atuais, JavaScript / TypeScript full-stack para web. Kotlin para Android. C# para fazer jogos em Unity. E assim vai.

Já mais a longo prazo, tecnologias que tem se mostrado confiáveis e que já tiveram seu boom, passaram de ser só moda e ainda continuam crescendo devagar e sempre são Java, C++, Python. Possivelmente também C# e talvez uma boa mais recente seja Rust.

Pra algumas coisas isso é importante. Tem empresas que são absurdamente fissuradas em titulos e certificados, etc. E as vezes há licitações públicas que exigem que os desenvolvedores possuam alguns certificados oficiais, ou seja, se Java certificado da Oracle, se .NET da C#, etc.

2 Curtidas

Enquanto vc escrevia essa resposta, surgiram 18 novos frameworks js, e enquanto eu escrevo isso mais 10 estão sendo criados.

Cara, eu não recomendo o curso do Bonieky, a plataforma dele é muito confusa e as aulas parecem que não tem um planejamento antes de gravar é meio “Extreme Go Horse”. Com o dinheiro gasto nesse curso vc compraria ao menos uns 5 na Udemy com melhor qualidade.

1 Curtida

Boa tarde, sou programador a 15 anos e atualmente estou programando em PHP minha soluções.
Agora tenho que programar um sistema de pagamentos de boletos e parcelamentos, sistema um pouco complexo, rodará em todo Brasil. Estou pesquisando na web para ver qual a melhor linguagem usar para este sistema e estou com dúvidas. Não tenho problema em aprender outra linguagem de programação, mas não sei qual. Poderia me ajudar a escolher uma linguagem de programação para este tipo de sistema ???

Se for até médio porte vá de PHP mesmo.

1 Curtida

Cara os requisitos são vagos demais como pra te dar uma opinião bem formada.

Do meu lado pessoal eu hoje faria em 2 camadas: front e back-end separados. No front end com Angular 8, alguma biblioteca de UI boa (Telerik, DevExpress, Syncfusion, se for algo muito muito simples basta Angular Material) e back end no que der na telha e que permita criar uma API pro front end, sinceramente.

Eu sou longe de admirador de PHP, acho a linguagem ruim especialmente pra projetos maiores, mas pro backend até pode ser em PHP sim. A vantagem absurda do PHP é que tu hospeda o negocio em qualquer lugar praticamente de graça. Porém hoje o Google Cloud, AWS e Microsoft Azure tem opções gratis pra quem não tem muitos acessos ou processamento, ou seja, tu pode começar sem pagar nada. O Google tem VM das mais básicas que é de graça eternamente, sem limite de tempo.

Mas se tu manja bem de PHP cara, acho que da conta bem se tu for organizado. Usa isso e investe em algum tipo de biblioteca de componentes UI, pra dar uma experiencia boa pra teus usuários sem que isso seja um peso a mais pra ti em tempo de desenvolvimento.

Olá Kronal,

Primeiramente, obrigado pelos seus esclarecimentos.

O sistema terá uma administração de usuários, pagamentos de boletos, pagamentos digitais, relatórios, etc.
O sistema terá 4 níveis de acesso e uma gestão de financeira de usuários e estabelecimentos.
O previsto é de 650 mil usuários no primeiro ano.
O sistema fará o upload da imagem do boleto, calculará os juros e taxas das parcelas e realizará o pagamento pela bandeira do cartão de crédito.

Qual a linguagem de programação que tu usa hoje ?
Então o PHP para back End será melhor mesmo ???

Obrigado.

Minhas sugestões:

  1. fazer front e back-end separados. Porque hoje você faz em PHP como já sabe fazer e imagino que com 15 anos garante que vai entregar um produto bom, mas amanha você quando sentir que ta perdendo performance ou houver necessidade de algum tipo de software que não é bom fazer com PHP, dai amanha se necessário você migra os seus serviços de back-end para outras tecnologias, até mesmo de forma parcial e incremental.

  2. usa alguma biblioteca boa de componentes pro front-end. Usabilidade ruim é um negocio absurdamente frustrante pro usuário, eu como desenvolvedor ainda me frustro mais ainda vendo interfaces ruins imagino que aconteça o mesmo com muitos dos colegas, e não só isso, bibliotecas boas pra UI te fazem mais produtivo. Como falei eu sugeriria DevExpress (DevExtreme) ou Telerik (Kendo), talvez Syncfusion, há outras mas essas são as que eu tenho experiencia e sei que são muito boas. Custam caro mas valem cada centavo. Os forms, grids e gráficos, com validação de dados, trocentos tipos de componentes configuráveis, etc são o ponto forte de usar essas bibliotecas.

Sobre as bibliotecas, da uma olhada no que digo:

Pessoalmente eu usaria Angular, porque acho que pra aplicações web (front-end) é a melhor opção hoje. Com Angular tu programa o front-end com a mesma facilidade que eram feitas aplicações desktop antes (exceto RAD), com bem código modularizado sem a bagunça do JS puro, com a vantagem que da pra usar as coisas do HTML normal.

Tem gente que gosta de Vue ou outras coisas, até mesmo fazer em JS puro, vai do gosto do cliente, sinceramente.


Se PHP é melhor ou não é uma questão difícil, como foi falado em outro tópico recentemente. Não só difícil mas subjetiva, se você sabe bem PHP, provavelmente vai ser mais produtivo nela, exceto em casos onde vale a pena mudar.

Outros frameworks web podem ser melhor na parte de processar imagens dos boletos e tal, mas no final das contas é você quem tem que pesar se vale a pena ou não, dada sua experiencia.

O que me preocuparia é a questão de quantidade de acessos simultâneos. Usar uma arquitetura incluindo não só a linguagem do back end, mas que de pra escalar isso e uma base de dados que de conta do numero de acesso e volume de dados por cada acesso. Isso se você realmente tiver muitos acessos.

Amigo eu Comecei a desenvolver quando tinha 13 anos eu amava jogos e queria aprender a Criar Servidores Piratas foi daí que tudo comecou . Comecei com desenvolvimento Front End isso é HTML5/CSS3/Javascript depois aprendi um pouco de PHP e MySQL , Depois fiz um curso tècnico de programacao onde aprendi C# me formei mas aí abandonei o mundo da programação , Estou voltando a programar agora e atualmente estou estudando C# pra logo depois estudar Java . Mas respondendo sua pergunta depende do seu Objetivo no meu caso
Como quero Criar Jogos utilizando a Engine Unityy estou estudando o C# mas também pretendo criar aplicativos e embora o com o C# seja possível criar aplicativos Android e IOS usando o Xamarim eu pretendo aprender Java pois é a linguagem nativa do Android

Então pra que você quer programar?

//